Notícias

25/01/2018

Os principais erros cometidos na hora de entregar a Declaração Anual do MEI

A Declaração Anual do MEI (DASN-SIMEI) deve ser entregue até o dia 31 de maio. Apesar de simples, é muito importante completar o documento corretamente, sem falhas, para evitar ter que fazer uma retificação depois. São apenas dois campos que precisam ser completados, parece fácil, não é? Apesar da simplicidade, erros são muito comuns.

  • Descuido na digitação dos valores

O campeão é um erro provocado pela falta de atenção. Muitas vezes, o MEI tem pressa para preencher a Declaração, ou não revisa os números digitados, e isso pode gerarum problema mais tarde. Conferir os valores é muito importante para evitar ter que fazer uma retificação depois.

  • Omitir valores

É muito importante que você reúna todas as informações que comprovam o seurendimento ao longo do ano. Pode acontecerde ter chegado a hora de preencher a Declaração e você simplesmente não sabe que valor declarar porque nunca criou o hábito de documentar seus ganhos e nunca separou serviços de produtos, então você propõe um valor que não condiz com a realidade da sua receita. Isso pode vir a se tornar um problema no futuro, já que a Receita Federal tem como identificar esse tipo de erro.

 

  • Deixar para última hora

É muito comum deixarmos as coisas para depois, não é? Preencher a Declaração perto do prazo é um erro que pode levar você a cometer os outros dois equívocos aqui acima. São apenas dois campos que precisam ser preenchidos, duas informações básicas, e se você se mantiver organizado durante o ano, não vai levar mais de cinco minutos para enviar sua DASN-SIMEI.

 

Fonte: Jornal Contábil.