Notícias

12/02/2019

CFC recebe a visita da nova equipe da Ouvidoria-Geral da União

O presidente do Conselho Federal de Contabilidade (CFC), Zulmir Breda, recebeu, na última sexta (8), a visita institucional do novo ouvidor-geral da União, Valmir Gomes Dias. O encontro também contou com a presença do ouvidor-geral adjunto da União, Fábio do Valle Valgas da Silva; do chefe de gabinete, Marcos Gerhardt Lindenmayer; e da diretora executiva do CFCElys Tevania Alves de Souza Carvalho. A OGU integra a Controladoria-Geral da União (CGU), um dos principais parceiros do CFC em ações pelo fortalecimento das práticas de controle social e fortalecimento dos mecanismos de controles institucionais.

A Controladoria-Geral da União (CGU) é o órgão de controle interno do Governo Federal responsável por realizar atividades relacionadas à defesa do patrimônio público e ao incremento da transparência da gestão, por meio de ações de auditoria pública, correição, prevenção e combate à corrupção e ouvidoria.  A CGU também deve exercer, como Órgão Central, a supervisão técnica dos órgãos que compõem o Sistema de Controle Interno e o Sistema de Correição e das unidades de ouvidoria do Poder Executivo Federal, prestando a orientação normativa necessária. 

O encontro teve como objetivo discutir a possibilidade de novos trabalhos em conjunto para o ano de 2019. A ideia é unificar algumas iniciativas entre as duas entidades, tais como, os seminários regionais de participação de controle social da CGU, com os eventos do projeto Abraçando o Controle Social, do CFC. Para isso, um novo acordo de cooperação técnica deverá ser assinado em março.

“O controle social não se faz sozinho. É preciso a participação e o envolvimento de agentes de todas as esferas para que possamos ter contas mais transparentes e um desenvolvimento sustentável do país livre da corrupção, e a Ouvidoria é um grande parceiro nessa missão”, afirmou o presidente do CFC, Zulmir Breda.

Sobre o novo ouvidor-geral da União

Valmir Gomes Dias substitui Gilberto Waller Junior. Natural de Rio de Janeiro (RJ),é auditor de Finanças e Controle (AFC) desde 2007 e tem graduação em Ciências Contábeis e pós-graduação em Controladoria e Finanças. Na CGU, já foi chefe-adjunto da Regional no Rio de Janeiro; chefe na Regional de Goiás; e diretor de Auditoria de Governança e Gestão.

 

Conselho Federal de Contabilidade